Os Gnawa são um grupo de músicos únicos, descendentes da irmandade de escravos negros de Ghana, Guinea e Mali de uns séculos atrás. Este grupo de pessoas acabou eventualmente por ficar em Marrocos e eram ou Árabes ou Berberes de diferentes partes do país.

Photo of a Gnawa Musician in Marrakech

Foto de um músico Gnawa em Marraquexe

Os Gnawa em Marrocos podem ser vistos em Marraquexe, Essaouira e também numa pequena aldeia no Sahara chamada Khamliya no limite das Dunas de Erg Chebbi perto de Merzouga. Marraquexe possui alguns músicos Gnawa que tocam, cantam e dançam apresentando um espectáculo muito interessante. Estes músicos existem em Jemaa el-Fnaa à séculos por isso não são uma consequência da vinda dos Ocidentais para Marraquexe.

Video dos Gnawa em Marraquexe:

Originalmente os Gnawa foram levados para Marrocos como escravos para servirem de guardas do Sultão Moulay Ismail ben Chérif em Meknes e para Moulay Abdellah em Essaouira.

Os Gnawa idolatravam um escravo Cristão chamado Bilal que foi libertado pelo Profeta Muhammed quando este curou a sua filha Fatima ao cantar para esta. A história conta que ele curou a filha do Profeta com a sua voz.

Video dos Gnawa na Praça Jemaa el-Fna em Marraquexe:

Os Gnawa fizeram a fusão do folclore Africano com o culto dos santos Marroquinos que tocam tambores e cantam. Não perca os Gnawa na praça Jemaa el-Fna em Marraquexe. Se tirar fotos ou filmar terá de doar algum dinheiro. Eu aconselho não mais de 10 ou 20 Dirhams pois, eles dividem o dinheiro por todos os membros do grupo. Depois tire a quantidade de fotografias e filmes que desejar. Desfrute da musica e da dança.

Video dos Gnawa a cantar e dançar com Malem Mustafa Bakbou em Marraquexe:
Pequeno segmento de uma noite Gnawa Lila em Marrequexe. Malem Mustafa Bakbou no Gimbri. Filmado por Michael Wolfe no Inverno de 1990.

Existe um festival de Musica Gnawa em Essaouira: Gnawa Festival Essaouira

Partilhar esta página

Facebook Google Pinterest
StumbleUpon Twitter